menu
Topo
Histórias do Mar

Histórias do Mar

Categorias

Histórico

Uma tonelada de cocaína a bordo: documento prova que inglês é dono do barco

Jorge de Souza

07/08/2018 08h13

 

Um documento de compra do veleiro Rich Harvest, emitido na Inglaterra, comprova que o inglês George Saul, mais conhecido como "Fox" ("Raposa", em inglês), preso na última sexta-feira, na Itália, é um dos donos do veleiro Rich Harvest, no qual os três velejadores brasileiros que estão presos em Cabo Verde desde o ano passado, acusados de tráfico internacional de drogas, foram detidos com mais de uma tonelada de cocaína escondida no casco, que, no entanto, eles sempre juraram desconhecer.

 

O documento foi usado por Fox para entrar no Brasil com o barco, dois anos atrás. Aqui, segundo a Polícia Federal brasileira, que investigou o caso e inocentou os brasileiros (fato, no entanto, ignorado pela Justiça de Cabo Verde que os condenou a dez anos de prisão), o barco, a pedido de Fox e do seu sócio, o também inglês Robert Delbos, que igualmente veio com ele para o Brasil e já está preso na Europa, foi reformado para esconder a droga e recebeu o seu brutal carregamento de cocaína bem antes de os brasileiros terem sido contratados para transportar o veleiro até a Ilha da Madeira, em Portugal, sem, no entanto, saberem o que havia dentro dele.

 

O documento pode ajudar os três brasileiros (o gaúcho Daniel Guerra e os baianos Rodrigo Dantas e Daniel Dantas, que, apesar da mesma origem e sobrenome, não são parentes) no recurso que seus advogados impetraram pedindo a anulação do julgamento, por uma série de motivos. Entre eles, o fato de nem todas as testemunhas de defesa terem sido ouvidas e de o inquérito da Polícia Federal brasileira sequer ter sido considerado, o que, inclusive, gerou um discreto protesto do presidente Michel Temer ao presidente de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, quando os dois estiveram juntos três semanas atrás, no mesmo arquipélago onde os brasileiros estão presos.

Agora, a Policía Federal brasileira, que havia expedido o mandado de prisão dos dois ingleses, detidos pela Interpol na Europa, está pedindo a extradição de Fox e Delbos a fim de interrogá-los e, quem sabe, assim ajudar a esclarecer todo este complexo caso, que dura desde agosto do ano passado, e que pode ser conferido por completo clicando aqui.

Sobre o autor

Jorge de Souza é jornalista há quase 40 anos, ex-editor da revista “Náutica”, criador, entre outras, das revistas “Caminhos da Terra”, “Viagem e Turismo” e “Viaje Mais”, e autor dos livros “O Mundo É Um Barato” e “100 Lugares que Você Precisa Visitar Antes de Dizer que Conhece o Brasil”. Recentemente, lançou o site www.historiasdomar.com, que publica novas histórias náuticas verídicas todos os dias, fruto de intensas pesquisas.

Sobre o blog

Façanhas, aventuras, dramas e odisseias nos rios, lagos, mares e oceanos do planeta, em todos os tempos.